O que é melhor estudar no Canadá: Uma nova universidade ou um curso rápido de especialização?

O que é melhor estudar no Canadá: Uma nova universidade ou um curso rápido de especialização?

Cresce o número de brasileiros que chegam no Canadá em busca de uma nova experiência de vida. Eles trazem consigo suas famílias, seus diplomas e o desejo de construir uma carreira em um país do primeiro mundo. Mas para quem vem ao Canadá como estudante, qual a melhor opção? Fazer uma nova faculdade ou universidade, que pode levar entre dois a quatro anos ou fazer um curso de especialização focado no mercado de trabalho?

 

Antes de entrar a fundo no tema vamos conhecer as opções de curso superior no Canadá. O Canadá divide o Ensino Superior em basicamente dois tipos: o College e a University. O College seria o equivalente ao curso técnico no Brasil, que é bem focado em aprender uma carreira já voltada para a prática e o mercado de trabalho, como designer, profissional de TI, enfermagem enquanto que a University costuma durar quatro anos e engloba carreiras acadêmicas, como por exemplo o economista, historiador e outros cursos de bacharelado e/ou licenciatura. Ou seja, o curso de especialização que citamos aqui, ou college, é aquele que você foca em uma área de atuação e sai pronto para trabalhar.

 

Nota: Entenda a diferença entre College e University em outro post, chamado “Career College, College ou University?”.

 

Vamos falar sobre as vantagens dos cursos de especialização versus universidade.

 

Vantagens da Especialização: Conhecimentos específicos e possibilidade de conseguir emprego mais rápido

 

Você pode pensar que fazer um curso superior no Canadá pode ser um pouco desestimulante se você fizer exatamente o mesmo curso da sua área de atuação, como por exemplo Marketing. Teoricamente a mesma coisa que você aprendeu na faculdade de marketing no Brasil você aprenderá no Canadá, certo? Aí entram os cursos de especialização. Eles são voltados para situações como essa, onde há a opção de cursos mais específicos de marketing, como marketing para negócios, marketing digital, marketing nos esportes, marketing administrativo, etc.

 

Segundo Linda Franklin, CEO da Organização Colleges Toronto, essa é uma das razões para o aumento da escolha por cursos de especialização, número que em 2016 cresceu 40%. A procura é não só dos graduados em universidade, mas também para aqueles que saíram do Ensino Médio e seguiram diretamente para a especialização.

 

Linda ainda explica que, no passado, a universidade carregava um status de estabilidade financeira e garantia de bons empregos. Mas com a modernização dos sistemas de ensino e a rápida transformação das demandas, as profissões e suas ferramentas mudam muito rápido, portanto nem sempre um curso de quatro anos poderá se atualizar na velocidade dos avanços tecnológicos.

 

De acordo com Linda, a necessidade da geração atual, dos 15 aos 40 ( Millennial ou Geração Y e Geração Z) passou a ser a colocação profissional e não o título universitário. Os cursos levam o estudante a se aprofundar em um menor número de disciplinas mas com alto grau de empregabilidade após a graduação. “As universidades vêm respondendo à necessidade de mais prática no aprendizado, reforçando programas que combinam estudo e trabalho, os chamados co-ops”, diz.

 

O Universities Canada, organização que representa 96 universidades canadenses, afirma que 55% dos estudantes já se beneficiam deste novo modelo (aprendizagem + prática). Programas de estudo e trabalho, serviço comunitário e estágio tiveram um aumento 25% nos últimos anos (de 53 mil estudantes em 2006 para 65 mil em 2013).

 

Para os empregadores, a formação prática + teórica é excelente pois reduz gastos com treinamento e injeta um desenvolvimento mais rápido nas rotinas da empresa tornando o sistema mais produtivo e preparado.

 

Vantagens da Universidade: Networking, possibilidade de conseguir bolsa e fazer o curso dos seus sonhos

 

Não é tão fácil ou simples conseguir uma bolsa em uma universidade canadense mas é possível sim. Inclusive, há universidades que aceitam a nota do ENEM na hora de analisar um candidato.

 

Se o seu sonho é ser médico, advogado ou arquiteto no Canadá, você precisará fazer uma universidade canadense e estudar os quatro anos. Isso porque os colleges ou cursos de especialização oferecem apenas o que seria um certificado, e não uma licença para atuar em profissões que exigem formação acadêmica. Se você tiver condições financeiras, estudar quatro anos não é má ideia. Te dará a oportunidade de viver uma incrível experiência canadense, além de fazer muito network na faculdade, conhecendo pessoas interessantes do mundo todo.

 

Outra vantagem é que um diploma universitário canadense é muito bem aceito mundialmente (no Brasil também!). Além disso, se você quiser continuar a estudar fazendo um mestrado ou doutorado e não possui um diploma no Brasil, somente o certificado do college não será suficiente – você precisará de um diploma universitário de quiser seguir carreira acadêmica.

 

O nível de inglês

 

No geral, o nível de inglês para fazer um curso superior no Canadá é médio-alto, sendo que algumas instituições aceitam diplomas de nível Avançado 1 para fazer uma faculdade, enquanto que o inglês exigido nas universidades é bastante alto. Algumas instituições exigem nível Avançado 3 ou nota 7 no IELTS. Mas é importante analisar a escola de sua preferência pois cada uma estipula suas próprias regras.

 

Então, qual o curso no Canadá ideal para você?

 

Vamos considerar alguns pontos:

Quão alinhado o curso está com seus objetivos de vida?
Se você não tem certeza de seus objetivos, qual curso se aproxima de suas paixões?
Se você não gosta de nada, ou está perdido, escolha dentre as coisas que já conhece mas gostaria de aprofundar.

Dito isso vamos analisar os pontos positivos e negativos da universidade x cursos de especialização

 

Universidade (cerca de 4 anos)

 

Positivos:

– Oferece oportunidade de parcerias e network excelentes.
– Possibilidade de fazer um curso acadêmico e seguir carreira.

 

Negativos:

– O retorno sobre o investimento é longo e existe o risco do mercado mudar muito mais rápido.
– Exige um investimento alto com pouco tempo disponível, sendo que conciliar o calendário com um trabalho part-time pode ser desafiador.

 

Especialização (1 a 2 anos)

 

Positivos:

– Investimento menor que a universidade e colocação profissional mais rápida.
– Melhores possibilidades de ter uma rotina de estudo e trabalho durante o curso.

 

Negativos:

– Possibilidade de ser limitado na procura de emprego por conta do conhecimento ser bastante específico.
– Limitação de alguns cursos com relação ao visto – alguns cursos não oferecem permissão de trabalho após a graduação. É importante checar essa informação na hora de escolher o curso.

 

Quem vai fazer intercâmbio com você?

 

Outro ponto a ser analisado: você vem sozinho ou acompanhado? Qual o tamanho de sua família? O seu contexto familiar influencia totalmente nos processos do visto do seu acompanhante, disposição e tempo de estudo além, é claro, de suporte financeiro.

 

“Meu filho vai para uma Universidade”

 

Era comum no passado os pais determinarem que seus filhos fossem para a universidade. Mas você sabia que hoje até universidades como Harvard ou Oxford também possuem seus cursos de especialização online?

Os modelos estão mudando bastante e para a mente ambiciosa, inovadora e inquieta da geração atual, tempo é vida. Independente das opções, tente sempre escolher aquela que te fará crescer rumo aos seus objetivos.

Seja qual for sua escolha

 

O processo de intercâmbio cultural, estudo no exterior ou morar em outro país como o Canadá, não é facil mas definitivamente extraordinário.

Com 12 lojas pelo Brasil a Canada Intercambio realiza o sonho de milhares de brasileiros. Quando precisar estaremos de braços abertos.

 

Equipe Canada Intercambio

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *