Como funciona um intercâmbio: conheça os mitos e verdades!

Realizar um intercâmbio com certeza é uma das experiências mais marcantes na vida de alguém. Muito se fala a respeito do assunto e várias informações erradas acabam sendo divulgadas. Isso até pode parecer um sonho distante, difícil de se concretizar, contudo pode ser bem mais fácil do que se pensa! Mas, você sabe como funciona um intercâmbio?

Continue a leitura e conheça mitos e verdade sobre o funcionamento de um intercâmbio, dessa forma, você vai estar bem informado quando for a sua vez!

“A melhor época para se fazer o intercâmbio é depois do Ensino Médio”

Mito. Na verdade, não há uma época certa para aproveitar um momento como esse. Existem muitas pessoas que, embora sejam mais jovens, estão bem preparadas e aproveitam bastante a viagem.

A maturidade para realizar o intercâmbio não está relacionada à idade ou ao período que se está cursando na escola. O mais importante a ser levado em consideração é o desejo de conhecer outras realidades e de crescer com isso. Basta se sentir preparado para sair da sua zona de conforto e se aprofundar no conhecimento de outras culturas.

“Você pode cobrir parte dos gastos da viagem com um trabalho temporário no país de destino”

Verdade. Essa é uma ótima alternativa para quem não tem como gastar muito com intercâmbio. Se for sua intenção, lembre-se de procurar um país no qual seja permitido que pessoas da sua idade trabalhem. Existem, inclusive, programas que auxiliam esse tipo de negociação, facilitando que você encontre uma ocupação temporária no lugar para onde vai viajar. No caso do Canadá, existem vistos específicos para quem quer trabalhar.

O trabalho temporário é uma forma útil não só de pagar parte de sua estadia, mas também de entrar em contato com outras pessoas e conhecer mais de perto a cultura local. Além de tudo, é a sua chance de juntar uma graninha para aproveitar também o comércio estrangeiro!

“Não é bom conviver com brasileiros durante a viagem”

Mito. Muita gente diz que não vale a pena fazer amigos da mesma nacionalidade porque atrapalha a aprendizagem do novo idioma, o que é verdade, pois você aprenderá inglês mais rápido se passar boa parte do seu dia falando inglês.

Entretanto, isso não deve te impedir de fazer amigos brasileiros. Você pode combinar de não falar em português com eles. Mesmo que seja difícil num primeiro momento, procure falar com eles apenas na língua local. Dessa forma, vocês podem treinar e evoluir juntos.

Amigos brasileiros podem ser companheiros que você vai levar para o resto da vida, afinal é muito comum pessoas se conhecerem durante o intercâmbio e continuarem mantendo contato quando retornam ao Brasil.

“Preciso falar inglês para fazer um intercâmbio”

Mito. Não é necessário que você tenha domínio da língua local para realizar o intercâmbio. Mesmo tendo pouco ou nenhum conhecimento, ainda é possível aproveitar bem a experiência, inclusive para aprender esse idioma.

Entretanto, quanto mais você se preparar, melhor. Por que não estudar um pouco e chegar lá já sabendo o mínimo possível sobre a língua falada? Com certeza você vai ser visto com bons olhos!

Muita gente fala a respeito sem ter a menor noção de como funciona um intercâmbio. Agora você sabe que não é tão difícil e está um passo mais perto de conseguir fazer a sua própria viagem! Lembre-se de que essa pode ser uma experiência realmente inesquecível!

Gostou das nossas dicas? Então aproveite e descubra cinco coisas que você precisa saber sobre intercâmbio no Canadá!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *