Como estudar no Canadá? Veja o passo a passo

É natural que o Canadá seja um dos destinos mais escolhidos pelos brasileiros para estudar, afinal, estamos em um dos melhores lugares do mundo para se viver. A cultura local e as possibilidades de crescimento chamam a atenção de estudantes do mundo todo.

Além disso, o governo canadense tem políticas para atrair estrangeiros para estudar e trabalhar, o que facilita as coisas para quem tem esse desejo. E se você está nesse meio, veja agora o passo a passo para saber como estudar no Canadá!

1. Pense no que vai fazer

Antes de começar os preparativos para a viagem, defina exatamente qual será o seu objetivo. Aprender um idioma? Fazer uma especialização? Imigrar através dos estudos? Estudar e trabalhar?

Também é fundamental conseguir pensar em que região do país você deseja ficar. O Canadá é enorme e você pode viver experiências completamente diferentes a depender de onde escolher morar. Os lugares mais populares são Toronto (a maior cidade e a mais urbana, equivalente à São Paulo), Vancouver (a cidade com mais belezas naturais, equivalente ao Rio de Janeiro ou Florianópolis), Montreal (a capital da cultura, equivalente à Curitiba), Calgary, Mississagua e Victoria.

2. Pesquise as opções

É importante pensar na área que você deseja se aprofundar. Vá um pouco mais além e saiba dizer qual tipo de curso você quer fazer por aqui, como: inglêsfrancêsgraduaçãoespecializaçãomestrado ou até mesmo um doutorado. Pesquise quais são as possibilidades exatas de cursos que mais se encaixam com seu plano inicial.

Como você já sabe a região onde vai morar e qual o tipo de estudo que você procura, é fácil encontrar as instituições e os cursos que podem lhe atender.

3. Tire um certificado de proficiência

Se o seu objetivo é fazer um curso de Ensino Superior, e não línguas, provavelmente será necessário fazer uma prova para comprovar seu nível de inglês ou francês. São aceitos os exames obtidos pelo TOEFL, baseado no inglês norte-americano, pelo IELTS, centrado no inglês britânico e o TEF, para medir o nível do francês.

O processo pode demorar alguns meses para ser realizado, já que você pode precisar fazer a prova mais de uma vez. Mesmo passando de primeira, ainda existe um tempo necessário para que você tenha a certificação em mãos. Portanto, a dica é ir atrás com antecedência, mesmo não sabendo a data exata da sua viagem.

Outra coisa importante que você precisa saber é que os certificados têm período de validade. O TOEFL, por exemplo, pode ser utilizado por até dois anos após sua obtenção.

4. Entre em contato com uma agência especializada

Todas as informações estão disponíveis online. Nos sites das universidades, você encontrará descrições detalhadas sobre os cursos e suas especificidades.

Porém, é recomendado falar com um especialista, pois o investimento é alto e é necessário ter certeza de que você está escolhendo a melhor opção para os seus objetivos. Lembre-se de procurar uma agência de intercâmbio conceituada, que tenha um trabalho de qualidade e seja reconhecida no mercado.

Mais do que procurar um lugar que lhe atenda bem, escolha uma agência especializada em viagens para o Canadá, pois isso dará a segurança de um trabalho voltado exatamente para o que você precisa.

A Canada Intercambio tem, em todas as lojas, agentes que são treinados para te dar as melhores opções de cursos.

Essas são dicas importantes para quem quer aprender como estudar no Canadá. Lembre-se de que, se organizando com antecedência, as chances de você conseguir chegar lá são muito maiores.

Ficou com vontade de viajar para o Canadá? Entre em contato com a loja mais próxima e conheça ainda mais sobre esse país fascinante e as maneiras mais viáveis para chegar lá! Acompanhe também o nosso dia a dia nas redes sociais como Facebook e Instagram!