Intercâmbio no Canadá: como lidar com o choque cultural?

Morar um tempo em outro país é uma experiência única. Você é forçado a sair da sua zona de conforto. São situações e momentos que trazem um crescimento incomparável. Ainda assim, uma mudança como essa pode causar estranhamento e dificuldade, por causa do imenso choque cultural.

Mas e aí, quais são as principais diferenças e como lidar com elas?

Diferença climática

A primeira e mais evidente delas é o clima. Algumas regiões do Canadá estão entre as mais frias do mundo, chegando a alcançar temperaturas incrivelmente baixas, dependendo do lugar onde você está. É uma boa oportunidade para você aproveitar um “friozinho” mas não esqueça de estar mentalmente bem preparado para encará-lo.

Na maior parte do país, o frio é cortante e a neve é constante durante todo o inverno e até além dele. Especificamente em Vancouver, as temperaturas não são tão baixas, mas o inverno é chuvoso.

Por outro lado, é importante citar que o verão canadense é quente e muito agradável em cidades como Toronto, Vancouver e Montreal. Você vai adorar curtir praias, parques e festivais de verão.

Dificuldades com o idioma

Outro ponto evidente é a questão da língua. Mesmo que você tenha estudado bastante o inglês, conviver com falantes da língua nativos o tempo inteiro é bem diferente de conversar nas salas de aula.

Muita gente no Canadá também fala francês, que é ainda mais estranha à nossa cultura que o inglês. Além disso, ainda é preciso pensar nas gírias e particularidades de cada região, inclusive com a mistura dos dois idiomas.

Por isso, procure saber o mínimo possível do inglês e do francês para garantir sua “sobrevivência” no Canadá. Não é necessário ser fluente nas duas línguas, mas conhecer as expressões básicas pode salvar você de várias situações difíceis. Além disso, falar o idioma local é uma forma de ser bem visto pelos moradores.

Diferença de hábitos locais

Existem vários costumes canadenses que se diferenciam dos nossos. Os hábitos alimentares deles são diferentes em vários aspectos. Eles não têm o mesmo costume que nós de fazer uma grande refeição por volta do meio-dia. Por outro lado, lá o jantar é um momento muito mais importante, e realizado mais cedo, por volta de 17h ou 18h!

Os canadenses também são conhecidos pela sua educação e cortesia. Ao entrar e sair do ônibus, por exemplo, é comum que as pessoas deem bom dia ao motorista no embarque e agradeçam ao descer, mesmo que tenham que gritar para fazer isso!

Planeje bem a sua bagagem

Esse é um ponto importante para lidar bem com o choque cultural.

Se você vier no verão, pode trazer suas roupas brasileiras à vontade. Mas, para se proteger das baixíssimas temperaturas, é importante planejar a questão dos casacos, calças, meias e luvas térmicas, etc. O ideal é que você não leve suas roupas de inverno do Brasil e sim roupas que foram fabricadas ou feitas especialmente para serem usadas em países frios. A maioria das pessoas opta por trazer um bom casaco e comprar as novas e apropriadas roupas no próprio Canadá.

Esteja aberto ao novo

Por último e mais importante: vá para a viagem de mente e coração abertos para conhecer o novo. Mesmo que pareça difícil em um primeiro momento, é provável que você se habitue rapidamente aos costumes locais.

Quem tem dificuldade ou pouco conhecimento de outro idioma pode contar com o intercâmbio como uma das formas mais eficazes de superar os obstáculos no aprendizado.

Uma experiência intensa como essa certamente tem seus desafios — o choque cultural é uma delas. Mas, por outro lado, essa é uma das vivências mais marcantes na vida de qualquer pessoa. Ou seja: você vai ter que sair da sua zona de conforto, mas é algo que muito vale a pena!

Gostou de nossas dicas? Prepare-se para viver essa experiência incrível: saiba mais sobre intercâmbio para o Canadá!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *