Você se adaptaria a um novo país? Confira 6 diferenças entre Brasil e Canadá

Você sabe quais são as principais diferenças entre Brasil e Canadá? Conhecê-las é essencial para garantir que você conseguirá se adaptar a viver aqui de forma temporária ou definitiva. Como você já deve saber, nosso objetivo é mostrar um retrato real do que é morar no Canadá, então, vamos falar um pouco mais sobre isso!

Ainda que esse seja um lugar realmente incrível de se viver, ele não é para todo mundo. Inclusive, a adaptabilidade é algo que o governo canadense considera essencial para o imigrante e também é importante para os intercambistas. Será que você está pronto? Confira estas 6 diferenças entre os dois países e descubra!

1. Língua

Pode parecer óbvio dizer que a língua é outra, mas muitas pessoas pouco pensam nas dificuldades que esse fator traz no dia a dia. A verdade compreender o inglês assistindo a filmes dublados é bem diferente de estudar, trabalhar e conviver socialmente, 24 horas por dia, usando o idioma.

Especialmente para profissões que lidam diretamente com o público, como vendedores, marketing, professores e dentistas, podem haver dificuldades nesse sentido.

Se você está vindo para estudar, é hora de mergulhar na imersão ao inglês e ao francês. Você com certeza aprenderá muito vivenciando o outro idioma na prática.

2. Clima

No Canadá o inverno é bastante rigoroso: em algumas regiões, pode chegar a -30°C! No início, pode até ser impressionante admirar a neve e a paisagem, mas, se você vai passar um tempo por aqui, precisa se acostumar a tirar gelo da porta, dos carros e dos telhados. Dependendo da estação e da região, isso se transforma em uma rotina diária entre os meses de dezembro e fevereiro. Por essa razão o destino de Vancouver, onde fica a nossa matriz, é cada vez mais popular. O inverno é muito mais ameno e em alguns anos nem chega a nevar. A reclamação da região de Vancouver é que o inverno é muito chuvoso.

Se você vai passar frio? Só se não estiver bem agasalhado ao ar livre. As casas são aquecidas, bem como os estabelecimentos.

3. Alimentação

A alimentação canadense também é bem diferente. Aqui você encontra carnes, vegetais e saladas parecidos com o Brasil, mas com outros tipos de temperos, por isso, não se assuste quando provar um prato e achar o sabor incomum! O nosso conjunto básico de arroz, feijão, bife e batata frita não costuma ser encontrado nos restaurantes tipicamente canadenses, mas você pode achar arroz e feijão em um restaurante mexicano por exemplo. E também terá a oportunidade de provar comidas asiáticas diferentes, restaurantes italianos, gregos, indianos, vietnamitas, além de muitas hamburguerias e pizzarias.

Já churrasco, pão de queijo, feijoada, pudim, brigadeiro e outras comidas da nossa terra natal você encontra somente em alguns supermercados ou em restaurantes especializados em comidas brasileiras.

Quem quer fazer intercâmbio precisa estar aberto a experimentar comidas novas.

4. Diferenças culturais

Canadenses têm alguns hábitos que os brasileiros costumam estranhar quando chegam aqui, e é importante se adaptar a eles. Por exemplo: no Brasil, chegar atrasado em um compromisso já é uma situação chata, mas aqui no Canadá é considerado uma grande falta de respeito e educação.

Além disso, os pedestres têm a preferência no trânsito, e isso é bem respeitado. Mas eles também respeitam quando é a vez de o carro passar — tanto que, se você atravessar fora da faixa ou com o farol fechado, pode levar multa.

Outra grande preocupação dos canadenses é o meio ambiente, por isso, a separação do lixo entre orgânico, reciclável e normal é feita por todos. Se você descumprir essa regra e for descoberto, também pode levar uma multa.

Ainda há o costume de tirar os sapatos ao entrar em casa, cobrir a boca com o braço para tossir e sempre formar uma fila para entrar nos ônibus. E nada de beber na rua ou em praças: o consumo de álcool é bem delimitado em locais públicos.

5. Relacionamento com as pessoas

Os canadenses têm fama de serem educados e solícitos, ainda assim, são mais fechados e reservados que os brasileiros. Caso você seja convidado para ir à casa deles, saiba que esse é um sinal de confiança.

Para nós, abraçar e beijar amigos é comum, mas os canadenses só têm esse costume com a família e amigos mais próximos, portanto, espere o relacionamento se fortalecer antes de dar aquele abraço. No geral, apertos de mão são suficientes entre conhecidos. No início é preciso se policiar, depois você se acostuma!

6. Distância da família e dos amigos

É claro você poderá conversar com os familiares e amigos usando a internet e o telefone, mas visitá-los e se reunir com eles é algo que você não fará por um tempo. Então, será necessário encontrar outras formas de se distrair e não se sentir tão afastado das pessoas amadas que ficaram em sua terra natal. Lembre-se disso.

Enfim, agora você conhece as principais diferenças entre Brasil e Canadá! Acha que está pronto para essa realidade?

Se gostou deste post e quer conhecer ainda mais sobre a cultura e os processos para estudar, trabalhar ou até imigrar para o Canadá, aproveite para assinar a nossa newsletter! Assim você recebe nossos conteúdos diretamente em seu e-mail.